Apátrida - Ana Paula Bergamasco

Comecei este ano lendo um livro maravilhoso: Apátrida de Ana Paula Bergamasco. Conheci-o através de uma resenha que li em algum blog e de cara já me interessei. A principal razão do meu interesse é o fato de a estória do livro se passar em meio à segunda guerra mundial. Amo história e sou fascinada por tudo que se relacione a segunda  guerra mundial, principalmente por considerá-la o maior absurdo da história humana.

Posso dizer que esse livro é um dos melhores que já li. Têm uma estória emocionante, uma mensagem verdadeira e uma narrativa que nos prende do começo ao fim sem jamais ser cansativa.

Irena, a protagonista, uma polonesa batalhadora e apaixonada, testemunha do maior massacre já ocorrido, é quem nos narra a história. E a autora foi tão detalhista em descrever o cenário, os costumes e acontecimentos que muitas vezes parece que estamos lendo uma biografia real embora os personagens sejam fictícios. A narrativa intercala entre o futuro e o passado da personagem tornando o livro ainda mais fascinante.

Embora já existam muitos livros que giram em torno da segunda guerra mundial, acho que este assunto jamais ficará gasto. Além do mais, a autora abordou o assunto de uma forma muito original.

Geralmente quando se fala em segunda guerra mundial, a primeira coisa que nos vêm à mente é o povo judeu. Isto é natural já que eles sem dúvida foram as principais vítimas da chacina. Porém, muitos desconhecem ou desconsideram o fato de que eles não foram as únicas vítimas. A autora não ignorou este fato, fazendo-nos lembrar que esta guerra também fez vítimas entre russos, poloneses, alemães, testemunhas de Jeová e muitos outros. 

Percebi que o tema central do livro é o direito que todos têm de serem tratados com dignidade e respeito, pois não fala apenas da segunda guerra mundial, mas também faz menção de muitos outros atos de desumanidade e crueldade que ocorreram em todo o globo. Fica evidente que a autora realmente pesquisou muito para escrevê-lo, pois ela realmente demonstrou um profundo conhecimento do assunto.

Assim, termino minha resenha citando uma frase do livro que considero uma grande verdade:

“A grandeza do mais forte está justamente na defesa do impotente.”

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

7 comentários:

Ana Carolina Nonato (BLOG O DESAFIO DE CADA DIA) disse...

Olá!

Ah, esse livro é um livro que eu com certeza lerei. É histórico, pelo que percebi muito bem escrito. Uma preciosidade.

Abraços e sucesso!

Bruna Tavares disse...

Obrigada pelo comentário Ana. Tenho certeza de que irá amar o livro.
B-jus

ana paula bergamasco disse...

Olá, Bruna, fiquei muito feliz com a resenha! Obrigada pelo carinho.
Um grande abraço, Ana

Bruna Tavares disse...

Olá, Ana Paula, eu é que me sinto honrada com sua visita.
B-jus

Amanda disse...

Oi Bruna, eu tenho muita vontade de ler esse livro. Particularmente adoro assuntos relacionados as Grandes Guerras :D

Bjs

Normanda disse...

Olá,
Por sua causa vou ter que comprar mais um livro. Rs. Adorei a resenha. Seguirei-te.

Até.

Sueli disse...

Oi Bruna,
outra resenha legal sua, e como consequencia,vou ter que comprar este livro pra ler.
bjos.

su

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...